Notícias em destaque

 Nota de Esclarecimento

Tendo em vista as declarações publicadas pela atual Coordenadora Regional da Cohapar e ex-prefeita de Capanema nas redes sociais, a Prefeitura de Capanema vem por meio desta nota, esclarecer sobre os fatos relacionados à edificação de casas populares no município, a saber:

1º) O terreno disponibilizado para a construção das casas populares, já tinha sido declarado impróprio para construção. Neste caso, as famílias, para se enquadrarem no programa, necessitam de renda ACIMA DE R$ 1.800,00 mensais, o que não atenderia a grande maioria daquelas famílias que buscam sua moradia própria.

2º) A exigência da Cohapar era que fossem feitas escrituras individuais de cada terreno a ser doado, em nome da Cohapar, o que custaria, só em escrituras, aproximadamente R$ 90 mil, SEM NENHUMA GARANTIA de que o município seria contemplado.

3º) É importante salientar ainda que outros municípios da região também estão no mesmo documento publicado na sua rede social, porem foram borrados os nomes dos mesmos, afinal o objetivo da publicação é claramente politico

4º) O município de Capanema também solicita que a Coordenadora Regional da Cohapar, ex-prefeita de Capanema, apresente protocolo de ofícios ou qualquer documento destinado à Prefeitura de Capanema, que comprove seu trabalho e disponibilização de programas que pudessem atender o município, visto que tem propagado constantemente o desejo em contemplar Capanema, mas não apresentou em momento algum documentos comprovando oportunidades ao município, bem como não REALIZOU NENHUM PROJETO HABITACIONAL enquanto ocupou o cargo de chefe do executivo municipal e tão pouco agora como Coordenadora do Escritório Regional da Cohapar.

5º) Por fim, a Administração Municipal de Capanema lamenta os comentários CALUNIOSOS e PEJORATIVOS, que acusam de “DESATENÇÃO OU FALTA DE INTERESSE DOS ATUAIS GESTORES”, utilizados pela ex-prefeita, ofendendo inclusive os demais municípios que também julgaram esta possibilidade inadequada para os atuais padrões dos programas habitacionais.

Tais acusações LEVIANAS, assumem caráter de OBJETIVO DIFAMATÓRIO, quando não explicadas as razões pelas quais Capanema e a grande maioria dos municípios do Estado, como é possível verificar na própria publicação, não enviaram a documentação solicitada.

Sentimo-nos tristes em depararmo-nos com tal atitude, cujo objetivo é confundir a população e atrapalhar o desenvolvimento dos trabalhos que a Administração Municipal vem executando.

Independente da postura reprovável da ex-prefeita em relação ao seu município e ao povo capanemense, vamos continuar trabalhando com ética, responsabilidade e honestidade com o uso do dinheiro público, para fazer de Capanema um lugar melhor a cada dia.

 

PREFEITURA DE CAPANEMA – TRABALHO E RESPEITO PELO NOSSO POVO.

Governo Municipal

 

Av. Gov. Pedro V. Parigot de Souza, 1080
Centro
85760-000 - Capanema-PR

(46) 3552-1321